sábado, setembro 18, 2010

IMAGEM

Teus olhos rasgados,
Castanho-dourados,
São lindos! São sonho!
São doce promessa
Que a vida começa
Num rosto risonho.
.
Teus longos cabelos,
Sedosos e belos,
São asas ao vento,
Voando à procura
De doce loucura,
Dum encantamento.
.
Teus lábios vermelhos,
Tão jovens, são velhos,
Sorrisos, calor,
São fonte de beijos,
Sussurros, desejos
E juras de amor.
.
Vítor Cintra
Do livro ENTRE O LONGE E O DISTANTE

2 comentários:

Maria disse...

Amigo, mais um poema lindo, onde a ternura e amor imperam.
Bom Domingo
bjs do tamanho do infinito
Maria

Luiz Carlos disse...

Meu caro, teus poemas são mágicos e constantes! Continuas sábio com as palavras!
Grande abraço caro poeta!