domingo, abril 17, 2011

ENCONTROS

(imagem recolhida na internet)

O tempo deixa marcados

Encontros, desde criança.

De muitos boa lembrança,

Mas doutros má, se lembrados.

.

Encontros que a vida traça,

Nas teias dos seus caminhos,

Uns tantos, como carinhos,

Mas outros, como desgraça.

.

Um dia vamos, sozinhos,

Já quando a idade avança,

Olhados feitos herança,

Tirá-los dos escaninhos.

.

Enquanto, na sua graça,

Lembramos os engraçados,

Aos outros, os tais pesados,

Que os leve o tempo que passa.

.

Vítor Cintra

Do livro: HORIZONTES

3 comentários:

Sonhadora disse...

Meu querido amigo

O tempo não tem contemplações, passa deixando atraz a nostalgis.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Diego Schaun disse...

Olá, sou Diego Schaun, poeta e músico baiano. Forte abraço! Gostei de teus escritos! Te seguindo!

(músicas)http://palcomp3.comn/diegoschaun
(blog) http://diegoschaun.blogspot.com

Profundos Conhecimentos disse...

Engraçado como é a vida e as memorias, cheia de rosas e espinhos esse livro parece está otimo e muito poetico como seus outros. ;D