segunda-feira, novembro 06, 2006

ARQUIPÉLAGO




Ilhas dos Açores,
Terra dos vulcões,
Meigas nos amores,
Loucas nas paixões.



Frei Gonçalo Velho
Fez o que podia,
Com bom senso e relho,
Por Santa Maria.





Se há em S.Miguel,
Pouca simpatia,
Só quem for cruel
Nega ver magia.




Ó ilha Terceira,
Chamam-te recreio,
Deixa! É brincadeira!
Nada tem de feio.




Diz-se do Faial,
Que quaisquer caminhos
Vão sempre, afinal,
Dar aos Capelinhos.




Pico, tão formosa
P'lo queijo e "verdelho",
Sentes-te ciosa
Desse saber velho.




Ilha das fajãs,
São Jorge dos queijos,
Gentes de almas sãs
São as que em ti vejo.




Ilha Graciosa,
Branca de apelido,
Dizes-te vaidosa.
Faz algum sentido.



Pelo bem que cheiras,
Pelas tuas cores,
Ilha das Caldeiras
Dizem que és "das Flores ".



Corvo, tão pequena,
Ergues-te à distância,
Mas neste poema,
Tens muita importância.



Vitor Cintra
"Alegorias "

10 comentários:

Juda disse...

É a minha paixão... adoro os Açores, um abraço...

maresia_mar disse...

Oh, os açores são a minha paixão, sou uma nortenha com ligações e grandes às ilhas. Felizmente conheço já algumas, adoro tudo, e para o ano devo lá voltar... Lindo o teu post. Bjhs

Anónimo disse...

Aplausos para você grande poeta.É delicioso ler-te.
Um abraço.

manoel donini disse...

Não quero ficar anonimo, por isto repito.
Aplausos para você grande poeta.É delicioso ler-te.
Um abraço.

gato_escaldado disse...

Gostei muito. Os Açores são "ainda" um Paraíso. Abraços

manoel donini disse...

Caro Vitor Cintra, talentosissimo poeta.Eu mrfo em São Miguel-SP.Queria que aqui tivesse uma tão linda ilha dos açores e, um poeta retratando-a com imagens e textos tão maravilhosos.
Aplausos.

Maria disse...

Seu blog é muito bonito! Gostei das fotos dos versos.

Anónimo disse...

A ilustração do poema está, simplesmente, excepcional.
Bjs
M.João

Camila, Cátia, Vanessa & Fábio disse...

muito fixe o poema

Maria disse...

Olá,

Bonitas imagens.
Bonito poema este sobre os Açores.

Ainda gosto mais dele porque fala da minha terra.
Parabéns